Estrutura fundiária de Livramento e outros dados

 

Alguns dados sócio-econômicos de Livramento

 

Estive nos dois últimos dias em Porto Alegre, onde participei da Assembléia do Cpers-Sindicato, na sexta, e ontem da reunião do diretório estadual do PT.

 

Ao que parece, nesse meio tempo, alguém andou falando besteira sobre dados sócio-econômicos de Livramento. Digo isso porque os blogueiros da resistência Dagberto e Gilmar acenderam a luz vermelha e denunciaram as inverdades. Eu costumo dizer que as pessoas que anunciam dados oficiais errados ou são mal informadas, ou mal intencionadas. 

 

Pois querendo acreditar que a pessoa que falou enquadra-se na primeira hipótese, em razão de talvez ter bebido de fontes oficiosas, apresento abaixo alguns dados oficiais do IBGE e da Emater, a respeito da estrutura fundiária de Livramento, composição do PIB e densidade demográfica.

 

As opiniões e interpretações localizadas abaixo de cada tabela de dados são de inteira responsabilidade deste humilde professor de Geografia.

 

Vamos lá. 

 

Estrutura fundiária santanense

Porcentagem de imóveis por tamanho

 

 

Tipo

Área aproximada(ha)

Percentual

dos imóveis

Pequeno proprietário

Até 200 ha

50%

Médio proprietário

De 200 a 1.000 ha

40%

Grande proprietário

Mais de 1.000 ha

10%

                                                           Fonte: EMATER – Escritório Regional/2003

 

 

Área (hectares)

Número de

propriedades

(%)

Área total

 (hectares)

(%)

Até 10

448

14%

1.905

0,3%

De 10 a 100

1.909

59,3%

62.053

8,8%

De 100 a 1.000

676

21%

254.285

36,3%

De 1.000 a 2.000

130

4%

189.547

27%

De 2.000 a 5.000

48

1,5%

148.695

21,3%

Acima de 5.000

07

0,2%

43.833

6,3%

TOTAL

3.218

100%

700.318

100%

         Fonte: EMATER – Escritório Regional/2003

 

 

Os pontos extremos da estrutura fundiária:

a absurda concentração da posse da terra

 

* 2.357 propriedades (73%) ocupam apenas 9,1% da área total do município.

 

* Apenas 185 propriedades (5,7%) ocupam 54% da área total do município.

 

 

Composição do PIB santanense por setor – 2000

 

AGROPECUÁRIA

INDÚSTRIA

SERVIÇOS

16%

2,0%

82%

Fonte: IBGE, Censo 2000

 

Os dados acima demonstram que não é O agronegócio que sustenta a economia santanense, como alegam os latifundiários.

 

 

Concentração da população do município

 

População Urbana  %

População Rural   %

93

07

 

 

 

Densidade Demográfica do município

 

Livramento possui uma densidade demográfica de 13 hab/Km2. Essa densidade é comparável à média da soma das regiões Norte e Centro-Oeste do país, que possuem vazios demográficos (10,57 hab/Km2).

A estrutura fundiária esvaziou o campo, concentrou renda nas mãos de poucos e estagnou a economia local.

 

Área: A cidade possui a segunda maior extensão territorial do estado: 6.956,5 Km2. O município que possui a maior extensão é Alegrete.

Fonte: IBGE, Censo 2000.

Sobre Glauber Gularte Lima

Vereador, professor, candidato a prefeito do município de Santana do Livramento / RS / Brasil.
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s